Home / Procedimentos /

Cirurgia Plástica no Bumbum tem Recorde de Procura no Inverno

Cirurgia Plástica no Bumbum tem Recorde de Procura no Inverno

por Dr. Francisco Neto

Essa época do ano é sempre propícia  não  apenas  para  recuperação  pós-cirúrgica,  mas também é o tempo exato para chegar ao verão com tudo em cima. O inverno faz com que centenas de pessoas busquem tratamentos para conseguir um corpo mais delineado.  O bumbum, principalmente, é o que  mais “sofre”  para  conseguir  ficar redondo e firme a tempo de ser exibido no biquíni ou mesmo na sunga. Mas, nem sempre apenas os exercícios fazem a pessoa conquistar a silhueta desejada e, para esses, há o recurso da cirurgia de implante de silicone no bumbum. O procedimento teve grande procura nos últimos anos.

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, em  2013  o   crescimento   foi   de surpreendentes  547%.  Essa cirurgia ajuda a modelar os glúteos e, assim como acontece com  as  próteses  mamárias, e quem  determina  o  tamanho  do  implante  é  o  bom senso entre o paciente e o médico.

Mas, é essencial avaliar o real biotipo do paciente, as medidas,  peso,  estrutura  óssea  e  altura,  para  então  determinar  qual  será o formato da prótese – se oval ou redonda – e o seu tamanho em ml.

A cirurgia deve ser feita sempre no hospital e com um cirurgião plástico membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. O procedimento dura cerca de 90 minutos e  requer  internação  de,  pelo  menos,  24  horas. O  pós-operatório  requer  uso  de cinta, analgésicos e antibiótico, além de repouso. É preciso ter cuidado na hora de caminhar  e  de  se  sentar  e,  só  depois  da  avaliação  médica,  é  possível  voltar  a  se exercitar  normalmente  para  garantir  o  corpo  em  forma  quando  os  dias mais quentes chegarem.